• Correa e Lopes

Direto na conta e com taxa zero: antecipação de recebíveis ajuda lojistas para retomada das atividad

Solução financeira oferecida pelo Banco Inter em parceria com a brMalls reforça o pacote de medidas do programa Juntos pelo Varejo, que apoia empreendedores de 26 shoppings administrados no país


Com reabertura gradual das operações e expectativas de minimizar os impactos nas vendas causados pela covid-19, seis mil lojistas dos 26 empreendimentos administrados pela brMalls ganham mais uma opção para geração de caixa e ajuda na manutenção do negócio. A companhia, que é referência em shoppings centers do país, ampliou a parceria com o Banco Inter, que agora oferece a possibilidade de antecipação de recebíveis das compras a prazo de até 90 dias feitas no débito ou no crédito a taxa zero. O benefício é válido para clientes com empresas abertas há pelo menos um ano. O lojista que precisar de um prazo maior pagará taxa de 1% ao mês, por até 36 meses. Correntistas que não recebem as vendas de cartão em sua conta no Banco Inter podem solicitar à credenciadora a mudança de domicílio da maquininha. Empresas que ainda não têm conta PJ no Banco Inter podem solicitar a abertura, que é 100% online, pelo site bancointer.com.br. O recurso é mais uma iniciativa do Juntos pelo Varejo, programa lançado pela brMalls para apoiar os lojistas, empreendedores e parceiros nesse momento de crise, através de colaborações em soluções financeiras, curadoria de conteúdos e compartilhamento de informações de especialistas sobre o setor. "Diante do cenário adverso e de incertezas provocado pela pandemia, ações como o Juntos pelo Varejo reforçam o papel da brMalls com o ecossistema do varejo. Procuramos entender com mais profundidade as reais dores dos lojistas e entregar soluções sustentáveis, que façam a diferença neste momento desafiador”, ressalta Jini Nogueira, Diretora Comercial da brMalls. Em abril, por meio do Juntos pelo Varejo, a BrMalls já havia disponibilizado outro benefício para os varejistas, em parceria com o Banco Inter - uma linha de crédito inicial de R$ 300 milhões. Com carência de seis meses para o pagamento da primeira parcela, prazo para quitação de até 20 anos e taxa de juros a partir de 1% a.m., o empréstimo, que ainda está disponível, serviu de alívio para os lojistas no momento mais crítico da crise, provocada pelo fechamento das operações. "O objetivo dessa parceria com a brMalls é oferecer condições extremamente competitivas para que empresários possam investir no capital de giro e melhorar seu fluxo de caixa em um momento de redução de vendas e escassez de crédito", diz Marco Túlio Guimarães, vice-presidente comercial do Banco Inter.


Fonte: o dia

1 visualização

Especialista Tributária

UMA EMPRESA DO GRUPO VIRIATO

© 2017 POR CORREA & LOPES CONSULTORIA TRIBUTÁRIA LTDA